16 de maio de 2011

Amor descontrolado [Parte 6]


***


Tivemos dias sem nos falarmos, ele não dizia nada, e eu também me permanecia calada. Custou o primeiro, e talvez o segundo dia. Mas nos seguintes dias, já não queria saber, ou fingia que não queria saber. Não pensava no assunto. Quando me apanhava sozinha, caia-me uma lágrima, mas depressa limpava. Passado uma semana e uns dias recebo uma mensagem do Pedro. " Olá miúda. Não tens dito nada, passa-se alguma coisa ? Sabes que tens aqui um amigo não é :) ? Vá, beijo e toma juízo." Fiquei contente, é verdade. E respondi. " Não se passa nada, porque haveria de se passar alguma coisa ? Está tudo bem, não preciso da tua preocupação. Beijo para ti também, e outro para a Leonor ;)". Ok, estiquei-me um bocado, mas ele mereceu. Aquele beijo, não tinha significado nada para ele, eu sabia isso melhor que ninguém. Fui mais uma que ele tinha beijado, e pronto, nada de mais. Mas comigo não era assim, não estava habituada a estas coisas. A beijos dados só por dar. Ele tinha mexido comigo, bolas!
O telemóvel toca. " Vem ter comigo ao parque, rápido". Era ele, não pensei duas vezes, vesti a minha melhor camisa branca, as minhas leggins pretas, e pus os meus dois pés na calçada tão rápido como nunca tinha acontecido! Cheguei ao parque, e avistei-o sentado com os fones nos ouvidos. O meu coração batia a mil, acendi um cigarro e fui na direcção dele.
P: O que é que se passa ?
M: Nada.
P: Então beija-me.
M: Estás-te a passar ou quê ? Estás dias e dias sem me dizer nada, e depois queres que eu te beije. A tua namorada habituou-te mal amigo.
P: Deixa-te de merdas, só te dei tempo para pensar. Já pensaste no que queres ?
M: Já. Eu não sinto espécie nenhuma de sentimento por ti, aquele beijo não significou nada para mim, tu não me dizes nada, e ficamos amigos se quiseres. Amigos normais, sem qualquer tipo de envolvimento. Caso contrário, deixamos de falar simplesmente, ok ?
P: Porque me mentes dessa maneira Mariana ?

Inventado, continua :)

4 comentários:

  1. estou adorar :o

    *ainda bem qe gostas.te , fofa ;)
    Obrigada !

    ResponderEliminar
  2. Escreves mesmo bem, princesa! Nem imaginas o quanto choro sempre que leio uma parte desta história. Faz-me lembrar uma parte do meu passado.. Parabéns amor, e posta a parte seguinte. :')

    ResponderEliminar